Proteja o seu celular

Descobrir que suas conversas, fotos ou textos particulares foram espalhados pela internet para todos verem é não só uma invasão de privacidade, mas também pode ser danoso à sua vida pessoal e ao seu sustento. Apesar de vários políticos e celebridades terem tido seus telefones hackeados e tentarem se proteger, os predadores continuam encontrando oportunidades e vulnerabilidades no sistema. Evite tornar-se uma vítima de hackers de telefones protegendo suas senhas e desconfiando de qualquer um que possa querer atingir sua reputação.

O risco é muito alto, e todos são vulneráveis, empresas podem perder enormes quantias de dinheiro com vazamento e interceptação de informações.

Separamos valiosas dicas de como evitar que você e sua empresa sejam alvos de hackers.

1. Adote uma atitude proativa. Não se trata de paranoia – é aceitar a realidade de que às vezes existem pessoas na sua vida que podem querer hackear suas informações pessoais por motivos escusos. Por exemplo, pessoas com as quais você teve desavenças ou relacionamentos rompidos, pessoas que não gostaram de algo que você disse ou fez, ou antigos amigos que abandonaram definitivamente a amizade por algum motivo. Você não pode prever como certas relações vão terminar, mesmo com as melhores intenções, então seja consciente em proteger suas informações pessoais de forma apropriada.

  • Use senhas. Você pode se sentir seguro de que nunca compartilha nada sobre o qual valha a pena fofocar – mesmo assim, você se sentirá violado se alguém hackear sua conta e uma senha poderia ter impedido esta pessoa. Além disso, não se trata apenas de suas informações, mas possivelmente também informações confidenciais que outros partilharam com você. E existe sempre a possibilidade de que suas informações financeiras sejam roubadas, transferidas da sua conta para outra por mensagens de texto.
  • Não compartilhe senhas com ninguém. Mesmo quando você faz uma exceção para alguém em quem você confia totalmente, como um parceiro, para lhe ajudar em uma necessidade, mude a senha depois que o problema for resolvido.
  • Não compartilhe as senhas do seu telefone com ninguém no trabalho ou vida social. Cubra a digitação das senhas em lugares públicos.
  • Não armazene senhas no seu telefone celular.
  • Não mantenha dados particulares no seu telefone por um longo período de tempo. Se e quando hackers violarem sua conta de e-mail, as informações estarão perdidas para você, provavelmente de forma permanente, e nem mesmo resetar a sua senha e logar de novo na sua conta permitirá que você acesse a informação que deixou lá anteriormente.

2. Faça uma cópia de segurança em outro aparelho de todas as mensagens, arquivos anexados ou fotos importantes que você tem no seu smartphone.

3. Pense, não assuma. Considere o pior cenário possível e trabalhe a partir daí. Treine-se para parar de usar seu telefone para enviar informações confidenciais de qualquer espécie, e para excluir informações confidenciais recebidas imediatamente após a leitura ou fazer uma cópia de segurança em outro lugar. Um telefone completamente desprovido de qualquer informação que valha a pena utilizar para subornar você ou vender para alguém interessado, é um inconveniente para quem o hackeou ou robou, e não uma catástrofe ameaçadora para sua reputação. Pense primeiro, não seja um proprietário do smartphone estúpido.

 

4. Escolha uma senha difícil de adivinhar. Pode ser fácil para você lembrar senhas fáceis, mas senhas baseadas em dados como a sua data de nascimento, a sequência de dígitos do seu número de telefone ou qualquer outra coisa facilmente associada com a forma como você pensa ou age são arriscadas.
  • Evite usar senhas óbvias como datas de aniversários ou sequências consecutivas de números. As primeiras senhas que hackers podem tentar são as óbvias, que incluem não apenas o seu aniversário, mas o de um parente ou animal de estimação. Além disso, algumas pessoas escolhem senhas óbvias como “1,2,3,4,5”, achando que um hacker pularia esse tipo de senha por ser óbvio demais. Ou o usuário do telefone simplesmente acha que ninguém se daria ao trabalho de hackear seu telefone…
  • Não use letras que formam palavras como o nome de solteira de sua mãe ou o nome de seu animal de estimação. Nomes e palavras facilmente identificáveis podem ser descobertos por qualquer um que conheça você bem o suficiente. Qualquer coisa que possa ser lida sobre você online (Facebook, LinkedIn, Twitter, forum posts, etc.) não deve virar um senha!
  • Use sequências complexas que envolvam uma letra maiúscula, número e símbolo. Quanto mais complexa for a sequência, mas segura será a senha. Use maiúsculas no meio da senha e inclua um símbolo obscuro para complicá-la ainda mais.

5. DICAS

  • Mantenha seu telefone com você (ou saiba onde ele está) durante todo o tempo.
  • Não clique em links de e-mails oriundos de alguém que não seja de confiança porque isso pode dar ao remetente informações pessoais sobre você.
  • Trate seu smartphone da mesma forma que trata seu computador – tome cuidado com o que você abre, que sites você visita e que tipo de dados ou fotos você guarda.
6. ADQUIRA UMA SOLUÇÃO DE SEGURANÇA MÓVEL DEDICADA. Infelizmente mesmo seguindo as dicas acima o seu celular pode ser facilmente hackeado e grampeado, pela rede wi-fi e pela própria operadora, a única maneira de se manter seguro é adquirir uma solução PONTA-A-PONTA (END-TO-END), onde suas conversações de voz e mensagens são criptografadas com uma chave de segurança de alto nível e apenas a outra ponta pode descriptografar a comunicação.
Nós temos essas soluções entre em contato e desfrute da comunicação livre e segura,
× WhatsApp